Quer saber? Manda pro espaço e pronto!

23/11/2009 às 11:14 | Publicado em Propagandísticos | 4 Comentários

Acho que o tom da discussão durante o brainstorm para realização desta campanha que contarei a vocês a seguir tenha sido mais ou menos este. A metáfora foi tão genial que a coisa se tornou realidade! A agência londrina que desenvolveu o filme é a Grey e o cliente em questão é a Toshiba.

A campanha foi nomeada como Space Chair e nelas foram usadas duas câmeras, uma cadeira e um balão com gás hélio. A idéia era mostrar imagens da terra de bem alto enaltecendo a qualidade e capacidade da câmera em captar imagens lindas e incríveis. 

O lançamento “foi pro espaço” partindo do deserto de Black Rock, em Nevada. O interessante de se ver é que a 98 mil pés (aproximadamente 30 km de altura) o balão estoura e a cadeira e as câmeras começam a se desintegrar por conta da pressão atmosférica. Vejam só:

Toshiba Space Chair http://adage.com/u/vnYNGb

Isso sim é um banho de competência, genialidade e especialmente inovação. Do meu ponto de vista estes detalhes, que são extremamente fundamentais por conta dos altos investimentos, estão faltando pra muitas agências grandes quando fazem filmes publicitários de cerveja, por exemplo. No final das contas todos eles são iguais, deixam o produto muitas vezes em segundo plano e não nos fazem conseguir relacionar a marca ao filme. Além de tudo chamam os “consumidores” de idiotas.

E qual a opinião de vocês, hein?     😉

Anúncios

A crescente importância e participação do mundo virtual no mundo real.

12/11/2009 às 16:06 | Publicado em Propagandísticos | 1 Comentário

Olá, pessoal!

Hoje vou postar aqui um texto que escrevi recentemente e que foi publicado no dia 02/10/09 no blog da House Press, agência de propaganda que trabalho. Então, aí vai!

Fica cada vez mais claro que a Internet é algo imensurável. Contudo, maior ainda é seu poder de aproximação entre pessoas e entidades, seja lá qual forem os perfis, focos ou atuação delas.

Partindo deste ponto de vista, o mercado industrial deve sim ser inserido neste contexto, já que as oportunidades e possibilidades que a Internet oferece são tão ampliadas. Vejam só alguns dados estatísticos interessantes divulgados pelo Portal UOL:

> A Internet tem 63 milhões de usuários no Brasil

> O número de internautas em nosso País é a mesma da população do Canadá multiplicada por dois

> É o meio que mais cresce em penetração no Brasil, com aproximadamente 40% da população

> Não apenas as Regiões Sul e Sudeste têm grande penetração, mas o Nordeste também vem forte. Em São Paulo temos 39% da população, em Salvador 41% e no Distrito Federal 50% de usuários

Além de todos estes dados, no cenário mundial o Brasil ocupa a sétima colocação em audiência online, a sétima posição em publicidade geral e apenas o décimo quinto lugar em publicidade online. Isso mostra que há um grande potencial pouco explorado até o momento.

Entretanto, cada vez mais as ações dos profissionais de Marketing e de Vendas têm migrado para o mundo virtual, o que é muito correto e extremamente necessário. Esta tendência também tem se apresentado no mercado B2B, principalmente pela necessidade de redução de custos de produção e impressão de materiais.

Na verdade, esta redução deve ser chamada de “otimização dos investimentos”, pois além da vasta opção de formatos e ações que a Internet possibilita, a individualização e a proximidade na relação com o público-alvo são fantásticas. Com isso, a grande utilização de ferramentas que passam por e-mails mtk, catálogos inteligentes de produto e revistas navegáveis é um tiro certeiro.

Blog da House Press: http://www.housepress.com.br/blogPress

😉

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.
Entries e comentários feeds.